Vale

VALE – Investir ou não na empresa?

vale

Vale ainda é um investimento seguro?

Investimento em VALE

Acredito que há muitas pessoas confusas com relação ao desempenho de VALE3 nessa semana após a tragédia de Brumadinho. Em que pese a dor pela tragédia, quem investiu em puts de Vale antes do caso conseguiu embolsar bons lucros. Assim como quem comprou as ações próximo a tragédia pagou o preço mais alto dos últimos anos. Se você foi o sortudo comprador de puts parabéns, deve ter vendido assim que o mercado abriu. Se você foi o comprador de Vale, esse artigo é para você.

Recomendação

Para aqueles que possuem ações de VALE3 e não venderam em pânico suas ações na segunda feira; recomendo que aguardem e mantenham suas ações, visto que o aumento do preço do minério de ferro pode suavizar qualquer queda no lucro advinda de eventual redução da produção ou multas e indenizações que a vale terá que arcar com as famílias.

Acredito que num período máximo de 6 meses as ações da Vale devem voltar a seu patamar pré-Brumadinho.

Para aqueles que tiverem mais apetite a risco, recomendo que invistam em opções de compra (Calls) de vale para junho, como VALEF495. Esse investimento, porém, é de alto risco e você pode eventualmente perder todo o dinheiro investido com as opções. Invista algum valor simples, como R$ 300.

Considerações

Infelizmente, Vale sai com a imagem mais arranhada do que no fato anterior em Mariana (Vale é co-proprietária da Samarco). Principalmente devido a maiores números de vítimas e dimensão do acidente. Isso pode apertar a regulação e fiscalização sobre as barragens da empresa.

Porém com uma excelente administração, uma produção robusta e de baixo custo na região norte e com um minério de altíssima qualidade, Vale pode sair de certa forma fortalecida (se podemos dizer assim), visto que a migração de pólo produtivo do sudeste para o norte, principalmente pela questão de custos de produção e qualidade do produto já estava em implementação, além disso, o anúncio do encerramento da produção em outras minas, que podem impactar em até 10% da produção parecem uma má notícia a curto prazo, porém serão compensadas pela maior margem com a eventual elevação dos preços do minério de ferro e os menores custo de produção em Carajás.

Conclusão

Por fim, Vale ainda é um bom investimento, acredito que a grande queda das ações abriu oportunidade de compra de curto prazo. A empresa deve voltar a recuperar seu valor de mercado em pouco tempo. Portanto, quem tiver a oportunidade de comprar as ações em baixa aproveite. Esse é um investimento para longo prazo, no mínimo 3 anos, o que pode gerar bons resultados futuros em termos de apreciação. Porém como tudo, vale uma ressalva: O investimento em empresas grandes como Vale e Petrobras, produtoras de commodities globais, está longe de ser seguro. Apesar do baixíssimo risco de quebra, qualquer movimento negativo global afeta sobremaneira as ações das companhias. Logo, se as condições de mercado mudarem posso recomendar o encerramento da operação.

Além disso, também recomendo a investidores sem estômago para quedas ficarem de fora desse trade devido a volatilidade. Também fiquem de olho em Ferbasa, que também é mineradora, boa empresa e pode sofrer como Vale.

Próxima semana irei comentar sobre o mercado de crypto não perca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *