EnriquecendoMercado financeiroRecomendação

A nova Magazine Luiza: Qual ação investir?

A nova Magazine Luiza

Muito se fala sobre a nova Magazine Luiza e qual ação poderia ter a mesma valorização dessa companhia, que saiu de centavos para mais de 100 reais em um relativamente curto espaço de tempo. Então, quem pode ser a nova Magazine Luiza e qual ação investir?

Nova Magazine Luiza 1: Via varejo (VVAR3)

Esta é uma barbada: mesmo ramo, condição parecida de reestruturação, dono antigo retornando a empresa e ações baratas. Mas será mesmo?

Embora eu dedicarei um artigo falando sobre Via Varejo futuramente, eu posso dizer que esse é um caso promissor. Via Varejo é a maior empresa do segmento, tem uma capilaridade muito grande e é muito conhecida. Além disso, a atual administração inclui os mesmos que levaram a empresa a essa condição de liderança, os Klein.

Isso significa que Via Varejo vai valorizar tanto quanto Magalu? Não, até porque eu não tenho bola de cristal. Mas por ser do mesmo segmento, uma recuperação econômica pode aumentar as vendas, melhorar a condição da empresa e ser um catalisador para a explosão das ações.

Logo, concluo que vale a pena apostar uma parte do seu portfolio nas ações da empresa, visto que parece ser um caso muito bom. Se Via Varejo não valorizar como a Magalu, você no mínimo terá um bom rendimento das ações com a recuperação da empresa.

Nova Magazine Luiza 2: Oi (OIBR3)

Uma empresa por si só muito problemática, a Oi é uma das maiores empresas de telecomunicações do Brasil. Atolada em dívidas e atualmente em recuperação judicial, a Oi é uma empresa em dificuldades imensas. Caso queira ver o nosso post sobre Oi, Clique aqui.

Porém, a possibilidade de venda, entrada de um possível novo investidor, atuação do governo ou fatiamento da empresa alimenta as esperanças de uma possível valorização.

Nesse caso, especificamente, eu não recomendo alguém investir nas ações da Oi pelo risco de perder todo o dinheiro ser muito real. Porém, se você quer arriscar, tenha estômago e saiba que não será fácil e mesmo que todas as possibilidades acima se concretizem, você pode terminar sem um centavo no bolso.

Nova Magazine Luiza 3: Centauro (CNTO3)

Empresa que fez um IPO recentemente na bolsa (Abril de 2019), porém que se encontra em processo de reestruturação desde 2015.

A aposta em Centauro se resume a investimentos em inovação, digitalização e multicanalidade. Para manter-se competitiva, a empresa apresentou um novo conceito de lojas, chamado de geração 5 para melhorar a experiência do cliente. Além disso está buscando um aumento das vendas pela loja virtual e buscando integrar as duas operações.

A semelhança com Magazine Luiza se dá pelo fato de que a multicanalidade permite ao cliente receber seu produto comprado no site pela loja física. Isso foi um dos responsáveis pela guinada de magalu e pode ser também uma aposta interessante para Centauro.

Nova Magazine Luiza 4: Magazine Luiza (MGLU3)

Sim, a Magalu pode ser a nova Magalu. Essa empresa pode liderar a inovação no país de forma a se tornar uma Amazon brasileira.

O crescimento da empresa se deve ao fato de investimento e implantação de inovações foram pontos chave no desenvolvimento do caso e no crescimento da empresa.

Também há o impacto potencial da recente aquisição de Netshoes. Uma empresa com marca consolidada, em dificuldades e que pode ser um fator de crescimento. Além disso, parte de um segmento onde Magalu não é tão forte e pode ser maior.

Eu entendo essa colocação, porém não imagino Magalu multiplicando por 300 vezes nos próximos anos. Com isso dito, acredito que a empresa poderá se desenvolver muito bem. Porém, atenção ao crescimento da Amazon, que pode ameaçar o reinado da empresa na inovação digital no Brasil.

Outras Apostas

Entre algumas outras apostas estão Localiza (RENT3) e Banco Inter (BIDI4). Esses são excelentes casos, mas evidenciam o fato de que ninguém sabe quem será ou se haverá uma nova Magazine Luiza.

Cada um possui a sua razão e logicamente faz sentido, por isso, evite se nortear por pessoas que citam casos antigos para justificar os novos. Invista em empresas sólidas e com potencial de crescimento em um segmento promissor e você terá valorização. Invista em segmentos consolidados e empresas dominantes e você terá dividendos. Quase sempre é assim.

Conclusão

Segundo Peter Lynch, um dos maiores gestores de fundos do mundo, desconfie da próxima “Nova alguma coisa”. Provavelmente estão tentando te vender algo, ou empurrar uma ação por algum motivo. Na prática, fuja de quem te vende dinheiro fácil. Ganhar dinheiro só é fácil quando não é rápido, ou seja, em 30 anos investindo em ações, você ganha dinheiro de forma relativamente fácil. Ganhar 1 milhão em 2 anos é impossível se você começa com 1 mil reais. Mas em 30 anos é mais do que possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *